Pages

Subscribe:

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Professor Luiz Renato Martins repudia a prisão dos 12 estudantes do CRUSP

Enquanto o Carnaval assume o seu papel em todo o país  com amplo destaque nos grandes complexos máfio-midiáticos, o governador de São Paulo  manda  a polícia   prosseguir com novas invasões e novos atentados contra a liberdade de expressão. 


 Esse comportamento do governador do PSDB de São Paulo é nitidamente contrário a todas as formas de liberdade e tudo aquilo que a democracia  pode garantir aos seus cidadãos  numa instituição  universitária  de caráter não privado.       É uma conduta fascista e  deveria ter  uma reação  contrária e contundente de todos!          O mais grave é ocorre dentro de uma Universidade Pública.


Estamos, no estado de São Paulo,  vivendo num regime senão fascista, caminhando para tal,  onde a mentira e  o desrespeito as leis impera  com a conivência dos grande Meios de Comunicação. A invasão de privacidade parece que  é a tônica do liberalismo fascista  numa espécie de:  tudo é válido e pode  ser feito pelo  governo na defesa dos interesses privados de grupos extremamente  conservadores e anti democráticos.


Nesse sentido é profundamente condenável o papel desempenhado pelo reitor da USP, João Grandino Rodas, que vem  sucateando a Universidade pública e, convém averiguar, desviando/remanejando  verbas   com a  realização de  reformas questionáveis, pois certamente não foram discutidas  no âmbito escolar, nas dependências da Universidade.  É algo vexatório e profundamente frustrante.

O depoimento do professor Luiz Renato Martins  é  bastante esclarecedor e nos arremete  a outras pontuações.  Onde estão os demais professores da Universidade, que condenam  tudo isso,  e por quê  não  se manifestam em defesa da Instituição e contra os desmandos  do governador Geraldo Alckmin?         Realmente algo de muito podre e violentamente destrutivo e  imoral vem acontecendo na Usp.       O depoimento do mencionado professor está no vídeo  que segue.        Parabéns professor Luiz Renato.  Se eu estivesse na USP, na condição de  docente  ou aluno, estaria  firme ao seu lado nessa luta contra  esse governo hipócrita e deletério.                        O vídeo?!!     Vamos a ele?

*****************************************************************************************************************

Professor Luiz Renato Martins, da Escola de Comunicação e Artes (ECA), fala sobre a desocupação do CRUSP pela Tropa de Choque no sábado de Carnaval


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution-ShareAlike 2.5 Brasil.