Pages

Subscribe:

sábado, 30 de julho de 2011

Alguém por acaso saberia apontar os responsáveis pelas privatizações criminosas que produziram, e continuam produzindo, prejuízos para a população brasileira?



Mais um apagão na capital do estado de São Paulo, cidade e estado que são administrados pela magnífica dupla demo-tucana ( Kassab e Alckmin ). O apagão, desta semana, ocorreu mais precisamente na zona Oeste da Capital, atingindo os bairros de Pinheiros, Alto de Pinheiros, Lapa, Butantã, Jardim Paulista e Vila Madalena, entre outros, chegaram a ficar mais de uma hora sem energia elétrica. Foram, segundo levantamentos realizados, aproximadamente 700 mil imóveis, residenciais, empresariais e corporativos, atingidos. O magnífico e famigerado secretário de Energia José Aníbal, disse a imprensa que, -acreditem ele teve a coragem de afirmar- a responsabilidade é do governo federal.

Foi um caos que durou tempo suficiente, ( em alguns lugares do mundo tal ocorrido mandaria para cadeia os responsáveis), para provocar ira e revoltas, “sem rumo” absurdamente, do enganado paulistano. Em São Paulo a privataria tucana no setor de energia denunciada há décadas pelos sindicatos da categoria e por associações, não consegue recíproca junto aos tribunais que, tudo indica, continua dominado pelo ideologia tucana. O Metrô parou. Em alguns casos os passageiros tiveram que descer dos trens e caminhar até a estação mais próxima. É São Paulo, a cidade da elite senil que pensa que é dona do Brasil.

A grande mídia que sabe e têm dados que comprovam que esses apagões são o resultado da total falta de manutenção, exatamente como o fenômeno dos bueiros que explodiram, explodem e continuarão explodindo no Rio, cuja responsabilidade se encontra nas empresas privadas- na maioria multinacionais, que só visam lucros, e que passaram a controlar setores importantes dos Meios de Produção nas administrações neoliberais dos tucanos e ou de seus similares mais próximos, prossegue divulgando os fatos através de sua perspectiva parcial enganadora e que tenta proteger esses criminosos. Os prejuízos a população são gigantescos.

É profundamente frustrante e vergonhoso ver o telejornalismo brasileiro fazer esse tipo de papel. As tentativas de responsabilizar o governo federal são infantis e profundamente medíocres. A grande maioria dos jornalistas sabem que a causa desses fenômenos imorais residem nos crimes cometidos contra a privatização desses setores e que foram feitos pelos governantes do PSDB ou de seus asseclas ideológicos mais próximos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution-ShareAlike 2.5 Brasil.